segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

[AJ McLean] Entrevista pro Adam Carolla



Ontem o nosso querido gibi, digo, AJ, foi o convidado especial do Adam Corolla Show. Nele o Backstreet Boy falou sobre sua nova parceria com a Anvil Cases, sobre os Backstreet Boys e até compartilhou alguns segredos obscuros da relação do quinteto com o famigerado Lou Pearlman, confira:


AJ começou falando sobre sua parceria com a Anvil Cases, que começou ha alguns meses, mas que só agora foi revelada com o lançamento da Anvil Roadcases pra Iphone. O cantor lembrou que essa marca é bem conhecida no mundo da música e que inclusive os Backstreet Boys a usam ha anos. E não para por ai, segundo ele os próximos passos incluem o lançamento de muitos outros itens como capas para Ipads, máquinas fotográficas, malas e etc.

E falando em malas, Adam não perdeu tempo e foi direto ao assunto: por onde anda Lou Pearlman? Preso, claro, por vinte e cinco anos e o motivo? Pelo que consta, ou até onde o AJ e os outros meninos sabem, por lavagem de dinheiro. Sim, Welovers, o Sr. Pearlman era um dos maiores fraudadores e salafrários de todos os tempos. Lou foi o responsável pela criação não só dos Backstreet Boys, mas também do N'Sync e, segundo o AJ, de várias outras bandas. Para o cantor Pearlman se tornou extremamente ambicioso e depois de as suas duas maiores revelações terem decolado, ele continuou procurando por outras formas de ganhar dinheiro. AJ lembra que na época, no começo da banda, eles eram todos muito novos e ingênuos e, repetindo o que ele e os outros membros já disseram em tantas outras entrevistas, que se arrependem de terem firmado contratos tendo Lou como agente. Na ocasião eles, os membros da banda, não percebiam, mas o Lou era como um sexto integrante. Tudo que os meninos ganhavam, ele também recebia. Ele recebia, então, duas vezes: uma como um "sexto integrante" e outra como agente. 

E falando no Sr. Pearlman, a pergunta que não quer calar: Ele "gostava" de meninos e, se sim, alguma vez ele flertou ou tentou alguma coisa com um dos Backstreet Boys? AJ garante que não, que o Lou nunca deu em cima nem dele e nem de nenhum dos outros meninos da banda, mas que existem vários rumores sobre outras pessoas que, depois da prisão do ex-agente, vieram a tona e revelaram algumas situações ou conversas com esse teor. Embora AJ bata o pé e garanta que nada aconteceu entre o Pearlman e qualquer dos membros dos Backstreet Boys ele fez uma revelação um tanto quanto chocante. O tatuado lembrou que bem no começo da banda todos tinham o Lou como uma figura paterna, alguém em quem podia confiar, e que passavam muito tempo com ele e, inclusive, na casa dele, assistindo filmes (Pearlman tinha a vestimenta original do Dart Vader). Filmes esses que nem sempre eram os recomendados pra idade dos meninos. Olhando, agora, pra trás, AJ reconhece que era uma situação pra lá de inadequada e reveladoras, uma delas era o que ele chamou de "noite pornô", onde os cinco integrantes da banda sentavam na sala da casa do ex-agente e assistiam filmes pornôs. Para alguns deles era a primeira vez (ele e o Nick, os dois mais novos da banda), e hoje eles veem o quão estranho isso era, ao mesmo tempo AJ reconhece que ninguém nunca comentou isso com pessoas estranhas ao grupo, ele tem certeza que nem ele e nem o Nick nunca mencionaram isso pra ninguém ou, talvez, os pais tivessem se revoltado e a banda nem mesmo existisse.

AJ lembrou, também, que foi o Brian quem primeiro notou que alguma coisa não estava certa e que sugeriu que a banda deveria deixar o Lou Pearlman pra trás e começar uma nova fase na carreira.

Pra finalizar AJ comentou sobre as Olimpiadas de Inverno e a turnê Europeia, que se aproxima. Sobre a turnê o nosso gibi disse que os meninos não terão tempo pra ensaiar antes de subir ao palco, e com isso ele tem a certeza de que durante os três primeiros shows eles provavelmente vão lutar pra se lembrar das coreografias. E falando em coreografia ele falou também sobre a queda que teve, durante a turnê com os NKOTB que acabou o levando para o hospital com uma torção no pé. AJ também disse que não costuma ficar nervoso, não até pouco antes de subir no palco e se, nesse momento, ele não fica nervoso, é porque algo está errado.

Sobre quais são seus maiores mercados internacionais AJ foi bem sincero ao dizer que Japão, mais recentemente a China e a América do Sul, sem esquecer da Europa, onde tudo começou. Resumindo ele disse que todo lugar é um grande mercado, menos os Estados Unidos, infelizmente, porque lá o que importa é o que está fazendo sucesso agora e que as rádios não querem tocar BSB, mesmo a música sendo boa, pelo simples fato de eles não estarem mais em tanta evidência.

Ouça a entrevista na integra aqui.

Credits to Adam Carolla

Um comentário:

Adriane Oliveira AG disse...

MDS!!To meio trêmula!!!Quer dizer q o Lou realmente está preso?Quer dizer que ele deixava os meninos ver pornografia e até o Bee via??Quer dizer que o Japão é bom comércio? Sim pra tudo rsr Nossa entrevista surpreendedora.